Os 5 erros mais comuns em sites de músicos

shutterstock_94604302-300x236Por Chris Robley

Não dê a seus visitantes um motivo para usar o botão ‘voltar’

Tem alguém conferindo seu site. Sinal de que você fez alguma coisa certa — anunciou seu endereço do palco, otimizou sua aparição em buscas do Google, pagou por anúncio focado no Facebook etc. — e cá estão eles, andando pelo seu quartel-general virtual e esperando para ser maravilhados.

Mas só meia batalha está ganha.

Você precisa agora MANTER os internautas no seu site por mais de 5 segundos se quiser que essa pessoa compre seu CD, livro, te contrate para um festival, baixe sua faixa nova, resenhe seu álbum mais recente, vá a um show ou mesmo se inscreva na sua newsletter de e-mail.

Se esse fã em potencial ou profissional da indústria da música se irritar na sua página, ele volta para outro canto da internet em menos de um minuto.

Aqui vão um punhado de erros comuns em sites para você evitar!

1. Autoplay — NÃO deixe seu player de aúdio tocando automaticamente. As pessoas podem estar com as caixas de som ligadas no volume máximo; elas podem estar no trabalho; ou elas podem não querer escutar essa música para começo de conversa!

2. Conteúdo ralo ou velho — Seu último post no botão “novidades” é de 2011? É um sinal certeiro de que seu site é uma cidade-fantasma. Se você parou de atualizar seu site, não espere que visitantes continuem visitando por muito tempo. Dê uma olhada no post “10 Kinds of Content to Keep Your Blog Posts Funky Fresh.” (10 tipos de conteúdo para deixar seus posts tinindo de frescos)

Se você não tem muito conteúdo nem nunca o terá com frequência, certifique-se de colocar as coisas importantes no alto da página, no alcance dos olhos. E depois trate de se ocupar gravando mais músicas, escrevendo mais posts, filmando mais vídeos etc.

3. Descrições vagas — Ah, então você é um “desajustado” de Ohio que faz um som completamente único? Que ótimo. Pró-xi-mo! Pense bem na descrição da sua banda e do seu estilo de som. Você precisa capturar as pessoas com PALAVRAS antes de elas gastarem tempo realmente ouvindo sua música. Dê uma olhada no post, em inglês “The Art of Tasteful Boasting: How to Write a Great Band Bio” (Como escrever uma boa biografia de banda)

Quando o assunto é informação básica de banda, esteja certo de dizer o nome de todos os integrantes e qual instrumento cada um toca. É uma loucura o tanto de bandas que não fazem isso!

4. Ausência de call-to-action — Ao contrário da maior parte do tempo na vida, quando você visita novos sites, quer que alguém te diga o que fazer. Se você não tem um call-to-action (uma ferramenta que leva o internauta a interagir com a página e explorar tudo o que ela oferece), PONHA UM NO SEU SITE!!!  Se você não sabe o que é um call-to-action, confira o post, em inglês: “Boost Sales by Using Better Calls-to-Action on Your Website.” (Aumente vendas usando calls-to-action melhores no seu site).

5. Falta de loja virtual — Se você não dá às pessoas a oportunidade de comprar sua música quando elas estão visitando seu site, quando você acha que elas VÃO COMPRAR sua música? Provavelmente nunca. Então não perca essa chance de negócios; acople uma loja virtual ao seu site. É fácil!

———-

Quais são as coisinhas que te enlouquecem em sites? Que erros você vê músicos cometerem em seus sites? Conte para a gente na seção de comentários, aqui embaixo.

3 Comentários

  1. mdileu@gmail.com'
    by DiLeu da Gaita on fevereiro 10, 2016  00:27 Responder

    Grato por suas dicas. Vou reavaliar e terminar meu site. sou de pouco conteúdo por enquanto, vou reconstruir. Mais uma vez, grato. Ajudou muito.

  2. mauro_evandro@hotmail.com'
    by Mauro Santos on junho 18, 2017  02:32 Responder

    Realmente já visitei alguns sites e blogs que nem se quer tinha um formulário de contato .
    Gostei de suas muito de suas dicas Parabéns!
    Abraço.

    • by Paula Humphries on junho 18, 2017  16:53 Responder

      Valeu, Mauro! Obrigada por acompanhar nosso blog! Abraços

Comente

Seus email não será publicado.