Entrevista: Núbia Castro

O Candango Cantador chegou ao final. Apoiado pelo CD Baby, o festival brasiliense premiou os artistas vencedores com a distribuição digital completa de sua obra.

Foram diversas categorias premiadas por um júri especializado, entre elas Melhor Música, Performance, Arranjo, Interpretação, Produção de Música Eletrônica e a categoria voto popular. Confira a lista completa dos vencedores aqui.

Conversamos com Núbia Castro, vencedora na categoria Melhor Música. Confira:

Núbia-Castro-Daniela-festival-candango-cantador
Como foi participar do festival Candango Cantador?
Foi a coisa mais gostosa do mundo. O tempo passa tão rápido que nem dá pra sentir um gostinho prolongado. Se eu pudesse, participaria de todas as edições do Candango Cantador, e também não deixa de ser um aprendizado, principalmente um contato mais íntimo com o público.

Na sua opinião, o que a música “O Samba Nosso de Cada Dia” tem de especial para vencer?
Fiz essa música em homenagem ao samba, pois sou amante do samba e queria de alguma forma homenageá-lo. O que ela tem de especial é que foi feita com muito carinho acompanhada de um gênero superabençoado, talvez isso tenha agradado as pessoas.

Que dicas você daria aos compositores iniciantes para conseguirem fazer uma música de sucesso?
Uma das dicas é que escrevam com a alma e coração, dediquem-se por inteiro e entreguem-se à música, pois ela é uma arte que precisa ser esculpida e lapidada para que possa transmitir o que de fato ela representa.

Do que o mercado brasileiro fonográfico/musical está precisando?
O mercado está precisando distribuir músicas que tenham mais sentido. Tudo bem que tem espaço pra todo mundo, como de fato tem, mas música é um conjunto de melodia, arranjo, letra e harmonia, e esse mercado ultimamente está deixando muito a desejar, é a minha opinião.

Núbia-de-Castro-festival-candango-cantador

Fotos: Daniela Braga

Comente

Seus email não será publicado.