Como Evitar Que Sua Banda Se Desmanche

Você pensa em demitir sua mãe e dizer para o seu irmão que não quer mais trocar ideia com ele? Não, né. Então faça parecido com sua banda: o Blog CD Baby te dá cinco dicas de como manter seu grupo unido e driblar o fim

shutterstock_94675984-300x238Como Evitar Que Sua Banda Se Desmanche

“Tudo passa/Tudo sempre passará”, já cantava Lulu Santos (e George Harrison dizia “All things must pass / All things must pass away”, para os bilíngues). E, enquanto essas frases podem ser verdade para todos, num sentido existencialista, nem todas as bandas devem ter seu número de dias contados. Alguns términos de bandas PODEM ser evitados — ainda que, se você for como eu, vai precisar aprender algumas dessas lições do jeito difícil.

Aqui vão 7 dicas para ajudar sua banda a ficar junta

1. Assine um contrato de banda —

Qual é o papel de cada membro? Como vocês dividem os lucros e os direitos autorais e registros de músicas? Quais são seus objetivos e expectativas? O que acontece se alguém abandonar a banda? Como você dispensa alguém do grupo?

Tire todos esses problemas da frente logo no começo, para que você possa caminhar para frente com termos com os quais todos os membros da banda concordaram. O processo de negociação dos termos pode ser penoso até se chegar a um acordo, mas você ficará muito mais feliz depois que tiver isso resolvido.

2. Faça um encontro mensal para fazer coisas não ligadas à banda—

Sim, eu sei — depois de tantos shows, ensaios e turnês, vocês estão meio de saco cheio um do outro. Mas marcar encontros regulares for a da agenda de obrigações vai ajudar você e seus colegas a ficarem mais próximos como pessoas —e vocês podem mesmo discutir assuntos da banda sem ter o tempo limitado de um ensaio, show ou seção de gravação pairando sobre a conversa.

Você está contente com o direcionamento musical da banda,  o tipo de show que vêm fazendo, o comportamento do engenheiro de som e do produtor que contrataram recentemente? Agora é a melhor hora para falar disso.

3. Evite se dividir em facções —

É fácil formar panelinhas, mesmo numa banda pequena. É natural que isso ocorra, mas você deve tentar minimizar os efeitos. Não deixe disputas de poder, comportamento passive-agressivo ou fofoca carcomer sua banda por dentro.

Se vocês se dividem em grupos menores durante os dias de turnê, tente mudar de galera e passar um tempo com cada um dos membros em cada cidade que forem de passar. Se vocês se acostumaram a ensaiar truncado (bateria com baixo, guitarra e vocal etc.), troque a combinação de instrumentos de vez em quando. Mude os arranjos que usam no ensaio uma vez por semana. E daí por diante.

4. Dê voz a todos —

Para que todos da banda continuem dando duro, cada um precisa sentir que é um pouco dono do grupo. Um dos jeitos mais fáceis de fazer isso acontecer é dando liberdade para todos opinarem sobre os negócios da banda, performances musicais, o visual do grupo e seu marketing.

Vocês não têm de concordar sempre, nem têm de levar a sério cada opinião de cada membro (isso te enlouqueceria bem rápido) — mas faça todo mundo ser “ouvido”.  O processo de COMO decidir algo baseado em diferentes opiniões é item essencial para o contrato de banda mencionado acima.

5. Tenha um projeto solo paralelamente —

Olhando por outro lado, às vezes você não quer ceder da sua opinião. Talvez você proponha uma música que o baterista deteste — mas você insiste em tocá-la, ou você quer fazer algo muito inovador no seu site, que sua banda acha confuso, ou talvez você queira substituir o baixista com faixas pré-gravadas. Não faça isso!

Guarde todas essas ideias para seu projeto solo paralelo, onde você tem controle sem o risco de ofender ninguém (salve-se). Em nome da longevidade da banda,  não force uma ideia para seus companheiros de banda se eles ficarem desconfortáveis com isso.

6. Discuta o uso de drogas (e limite-o) —

Eu não vou dizer “Drogas, tô fora”. A Carla Perez fez essa campanha e veja se funcionou. Estamos falando do mercado da música, afinal de contas. Você provavelmente estará cercado de álcool e frequentemente tropeçar em outras substâncias. Se você vai usar ou ser abstêmio, a decisão é sua, mas sua banda DEVE poder opinar nesse assunto. Você está investindo neles e eles estão investindo em você. Músicos que correm o risco de deixar uma substância tomar o controle de sua vida são um mau investimento. Então, acima de tudo, moderação.

7. Seja bacana, seja bacana, seja bacana —

Tente ser sensível com o lado emocional alheio, além do lado profissional e de assuntos técnicos. Uma banda é como uma família — com brigas e tudo o mais. Então esteja pronto para dar apoio, amor, brigar e, espero eu, perdoar.

————–

Você já conseguiu manter uma banda unida por mais de 5 anos? Qual é seu segredo? Aprendeu alguma lição com términos de grupos? Conte para a gente na seção de comentários, aqui embaixo.

Ganhe Dinheiro Guide

3 Comentários

  1. manomoka@gmail.com'
    by Moises Eduardo Gomes on junho 3, 2014  21:01 Responder

    Muito show esses conselhos! Vale apena ler tudo! Eu fiquei impressionado! Vejo que errei muito durante um tempo! Mais como já esta escrita, nunca é tarde para mudar e tentar ser melhor no quilo que gostamos de fazer!

  2. leandrobelge@gmail.com'
    by Leandro Belge da Cunha on junho 4, 2014  11:51 Responder

    Toco com a mesma galera a uns 6 anos. Porém já passamos por várias bandas mas sempre estamos juntos. Nunca nos perdemos no meio do caminho, apesar das divergências e da falta de diálogo. Sempre que apresentam um projeto novo para um dos integrantes esse projeto se torna o projeto de todos, pois sempre encaramos a empreitada juntos.
    Confesso que nunca paramos para decidir sobre o 1° tópico e não é com tanta frequência que nos encontramos para beber e trocar ideia, mas ainda tem funcionado, porém achei bem interessante as dicas dadas no post, e de agora em diante vou tentar implementar alguns tópicos com a galera.

    • by Tracey Gill on junho 6, 2014  17:35 Responder

      Legal! Alegro-me que nossos artigos podem ajudar a você e sua banda. Obrigada pelo comentário!

Comente

Seus email não será publicado.