Arnaldo Baptista ganha distribuição CD Baby

O álbum “Singin’ Alone” é uma das obras-primas do rock’n’pop brasileiro. Nele, o ex-líder d’Os Mutantes realiza um sonho: tocar todos os instrumentos e assinar a produção. Lançado oficialmente em 1982, o disco foi remasterizado pela Classic Master e, agora, é relançado digitalmente.

Arnaldo, que sempre foi um dos defensores dos amplificadores valvulados, também fez questão de usar equipamentos com válvulas na recuperação das gravações originais do álbum. O produtor Peninha Schimidt, que já trabalhou com Os Mutantes, falou em entrevista para a Folha de S. Paulo que a válvula é usada para recuperar os tons graves, médios e agudos. “A música vem inteira, cheiona. Os sons ficam mais detalhados”, disse. “Quem trabalha com som hoje sabe que tem que tratar determinadas coisas com válvula. Só ela consegue a qualidade musical. Essa volta que o mundo dá é maravilhosa.”

Não é por menos que a maioria dos músicos ainda busca por amplificadores valvulados hoje em dia. Arnaldo era percursor na sua época quando não quis adotar os amplificadores transistorizados

Não esqueça de olhar para o passado, ele ainda continua sendo referência para os músicos atuais em termos de produções e sonoridades.

Ouça o álbum no Deezer:

Distribua você também com o CD Baby: https://pt.members.cdbaby.com/

 

Ganhe Dinheiro Guide

Comente

Seus email não será publicado.